Menu Principal
TwitterRssFacebook
Menu Secundário

Posted on abr 21, 2015 in Apoio Humanitário, Nigéria

Infanticídio por bruxificação – Redação 2: Natalia Toneline – 8º B

Infanticídio por bruxificação – Redação 2: Natalia Toneline – 8º B

 

Natalia Tonelini, 13 anos – 2o lugar

Há muitos anos, na Nigéria, acontece um ritual em que pastores dizem que crianças são “bruxas” pelo simples fato de serem inteligentes, serem travessas (custosas), deficientes físicos etc. Por esses motivos, essas crianças são condenadas à morte.

Quando um dos membros da família vai até o mestre se consultar pelo fato de a bênção não estar chegando, o mestre diz que certa criança de sua família está roubando a bênção. Daí o pai chega em casa, escolhe a criança mais travessa e lhe bate muito; às vezes ele bate tanto que a criança fica em uma situação que é melhor matá-la.

Quando a criança passa por este ritual, é necessário que a família pague um alto valor em dinheiro. Se a família tiver condições, o pastor faz como se fosse um exorcismo com a criança. Ele bate nela, às vezes a mutila, e essa mutilação pode ocorrer em qualquer parte do corpo, como orelhas, nariz, dedos etc.. A partir daí, esses pastores dizem que a criança foi libertada da maldição, mas se um dia, por exemplo, ocorrer um surto de malária ou qualquer outra tragédia, a culpa será daquela criança.

O palestrante Gito contou a história de um menino que se chamava Bobó. Ele tinha o intestino pendurado na bundinha, e ele tinha uma fome que nunca passava. Ele precisava de uma cirurgia, mas o dono do orfanato em que ele vivia recebia a verba de outros países, mas não fazia a cirurgia do Bobó. Ao contrário, usavam o dinheiro para seu próprio consumo.

A Companhia que o Gito trabalha lá na Nigéria ficou a par da situação do Bobó, e um dos voluntários sequestrou o garoto, e levou para a comunidade onde o Gito e sua equipe cuidaram dele, arrumaram o  dinheiro para fazer a cirurgia dele, e hoje ele vive lá na comunidade.

Natalia Toneline – 8º B
Escola Municipal de Sobradinho – Uberlândia / MG

468 ad

Responder

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>